voltar prá casa


Há exatamente 4 anos atráz eu voltei prá casa sozinha pela primeira vez.
Hoje está praticamente igual... estou no meu quarto (só que desta vez aqui no micro, ouvindo a novela), meus pais na sala e sem o Luiz......
Nossa, o tempo passa mesmo e a vida continua a mesma. Tirando a perda, a vida é um eterno dia após o outro com uma noite no meio que só depende da gente de como podemos fazer o próximo dia.
Esta semana eu fiquei muito triste. Não chorei como antes, mas confesso que fiquei com o coração apertado. Nâo consegui formar a imagem dele na minha mente... mas no coração... Senti uma paz muito grande. Eu quero de coração que ele esteja bem.
E vamos em frente........
Confesso que esta noite de 11/11/05 foi uma das noites mais difíceis da minha vida. Pior até do que de ontem (há 4 anos quando soube a notícia), mas é que neste dia foi realmente o último dia que o vi. Mas ... agora.... estamos separados por corpos. Um dia a gente se vê novamente. Por enquanto, só em emoção e oração.
Deus, continue tomando conta da gente como sempre fez. Me dê a calma e serenidade de seguir a minha vida, amor para amar novamente e ser feliz tanto quanto eu fui.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

mundo globalizado