luto

Estamos de luto.
No dia 6/9 perdemos uma pessoa querida... minha tia Elza que é irmã do meu pai. Unica mulher da família.
No sábado não se sentiu bem e foi descoberto um tumor no estomago que infelizmente causou outras coisas que levaram o óbito.
Confesso que ainda não caiu a ficha desta passagem.
Ela sempre foi uma mulher cheia de vida e para todos sempre tinha um sorriso no rosto e uma palavra para doar, mesmo quando em tantos momentos da vida dela não tinha nem sequer forças para caminhar.
Eu nunca vi esta mulher esmorecer e olha que perdeu um filho em uma situação muito desagradável, mas a fé que ela tinha em Deus sempre foi maior do que tudo.
Guardo no meu coração e na minha memória sempe a alegria e as gargalhadas que ela dava. Prá ela parecia que tudo se resolvia e tudo daria certo.
Sempre levou a vida sorrindo. Não lembro de ter visto ela com cara brava ou coisa parecida.
Foi uma grande mulher, um espírito grande e uma bela alma.
Por onde passou, deixou a sua alegria.
Não fui ao velório e nem no enterro. Ultimamente tenho fugido destes eventos embora são nestes momentos que as pessoas que ficam mais precisam da gente, mas não consigo.
Covardia? não sei.. mas é assim que estou vivendo a minha vida.
Sentiremos falta dela, sim. Mas a certeza de não ter havido sofrimento dá um certo alívio. Não sofreu apenas foi embora.
Iremos nos ver um dia e tenho certeza que hoje está amparada por todos os nossos irmãos espirituais.
Deus dará o conforto a cada coração que sofre a perda.
Não aprendemos a dizer adeus, então a dor é grande e a saudade só irá aumentar com o passar dos dias.

Enfim.. esta é a única certeza que temos e nestes momentos não existe palavra que os conforte.
O jeito é viver.. afinal de contas, a vida sepre continua.

Comentários

  1. Passando pra deixar meus sentimentos...
    Beijos em ti e em sua familia

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Já que você leu, deixa seu comentário....

Postagens mais visitadas deste blog

Não Nascemos Prontos - Mário Sérgio Cortella